Região Balneário / Itajaí

Encontro em Balneário Camboriú fortalece o conservadorismo internamente

De Nadal assume o governo, entre outros destaques na coluna de hoje

Autor
Encontro em Balneário Camboriú fortalece o conservadorismo internamente

O evento conservador em Balneário Camboriú pode ser considerado um sucesso, se o objetivo foi fidelizar quem já está atrelado ao conservadorismo. Um bom número de pessoas lotou o centro de eventos, muitas fotos e tietagem com lideranças da extrema-direita, e as mesmas mensagens nos discursos que têm mantido fiéis, pessoas que se identificam mais com a aversão à esquerda e com as pautas de costume do que com a discussão de temas como economia, saúde, educação, desenvolvimento através de incentivos ao setor privado e bem-estar social.

PUBLICIDADE

Em suma, o evento deixa clara uma tendência: o bolsonarismo se fortalece cada vez mais, mas para dentro, com quem já faz parte do time, pois não tem conseguido avançar ao ponto de conquistar novos adeptos. Isso não quer dizer que o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) não seja uma forte liderança com grande poder eleitoral. Mas isso fica no campo da eleição nacional, pois o desempenho do bolsonarismo em Santa Catarina ainda é uma incógnita se pensarmos no pleito municipal, que é muito mais ligado a questões locais.

Agora, o que chama a atenção é a ânsia de políticos em busca de uma foto com o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), como se bastasse navegar no prestigio dele para torná-los elegíveis. Nada mais importa. Propostas, projetos, conhecimento dos problemas reais dos municípios, tudo isso em segundo e terceiro plano. A questão é ser, ou parecer, bolsonarista.

Elogio

Durante o evento conservador CPAC, que aconteceu em Balneário Camboriú, o ex-presidente da República Jair Bolsonaro (PL) esteve reunido com dois governadores, dois de seus aliados políticos no país: Jorginho Mello (PL) e Tarcísio de Freitas (Republicanos), governador de São Paulo.

Em dado momento, na chegada de Tarcísio ao evento, Bolsonaro disparou, em tom de brincadeira: “Jorginho é o melhor governador do Brasil, e Tarcísio é o mais bonito”. Jorginho tem sido lembrado por Bolsonaro por acompanhá-lo em suas agendas. No início deste ano, Bolsonaro fez elogios ao catarinense durante um jantar em Buenos Aires, na véspera da posse de Javier Milei.

Júlia Zanatta foi destaque em Balneário Camboriú

O CPAC consolidou a deputada catarinense Júlia Zanatta como uma das principais lideranças conservadoras do país. No evento que reuniu grandes nomes da direita, como o ex-presidente da República Jair Bolsonaro (PL) e o presidente da Argentina Javier Milei, Júlia foi bastante prestigiada. O pedido por fotos era tanto que a deputada teve dificuldade para caminhar pelo Expocentro de Balneário Camboriú.

Reflexão

“Gostei bastante da análise, senador Ciro. O mais lamentável é assistir, por vezes, à autofagia na oposição (não deste seleto grupo, ressalvo)”, escreveu o senador Esperidião Amin (Progressistas), em resposta ao senador Ciro Nogueira (Progressistas), que fez uma análise sobre a derrota da extrema-direita na França, motivada pela união do centro com a esquerda.

Nogueira faz uma crítica aos que definiu como fundamentalistas da direita, que estigmatizam e causam divisão por não aceitarem quem é de direita, mas tem foco na economia, ao invés de abraçar as pautas de costumes, por exemplo. “Mas o povo brasileiro não é de extremismos”, escreveu Ciro Nogueira.

Primeiro em cirurgias

Ontem à noite, o governador Jorginho Mello (PL) me enviou a informação de que Santa Catarina está em primeiro lugar em número de cirurgias em todo o Brasil. Os dados são do Ministério da Saúde. Aqui no estado foram registradas até o momento 69.306 cirurgias, seguido por São Paulo com 46.128, Minas Gerais 25.187, Rio de Janeiro com 22.016 e o Paraná com 19.264.

De Nadal governador

O deputado estadual Mauro De Nadal (MDB) assumiu ontem, interinamente, o governo do estado. Ele fica no cargo até o próximo dia 14. Ontem a posse foi prestigiada por lideranças estaduais. Hoje, em seu primeiro compromisso, De Nadal recebe lideranças do agronegócio para um almoço na Casa D’Agronômica.

Estarão com ele o presidente da OCESC e vice-presidente da Fecoagro, Vanir Zanatta, o presidente da Faesc, José Zeferino Pedrozo, presidente da Fetaesc, José Dresch, presidente do Sicoob, Rui da Silva, diretor executivo do Sindicarne, Jorge Lima, e o diretor executivo da Fecoagro, Ivan Ramos.

Agenda

Amanhã, o governador em exercício Mauro De Nadal (MDB) irá a Brasília. Ele terá agenda no Ministério da Educação, das Cidades e também nos Transportes. A partir de quarta-feira, ele começa a visitar as regiões do estado junto com as bancadas regionais. Serão anunciados R$ 5 milhões para cada região, para obras que serão escolhidas pelos deputados.

No total, serão R$ 30 milhões oriundos de doação da Alesc para o governo. No final de semana, ele encerrará a agenda entregando ordem de serviço para a revitalização da SC-283 entre Palmitos, São Carlos e Águas de Chapecó. Depois, visita à obra do elevado no entroncamento das BRs 158 e 282, em Maravilha.

Presidência da Alesc

O deputado estadual Ivan Naatz (PL) deve dar entrada a um projeto de resolução para alterar o regimento interno da Assembleia Legislativa, o que permitirá a reeleição num mesmo mandato do presidente do parlamento. É um movimento arriscado de Naatz, pois tenta mexer numa tradição da casa, que são os acordos para a composição da mesa diretora.

Vale lembrar que o movimento do mesmo parlamentar no início da legislatura para fazer o presidente não deu certo e quase deixou o PL fora da mesa. Agora, Naatz entra com um projeto, tendo um apoio mínimo, que pode até garantir a tramitação, mas não o resultado. Para um parlamentar que sonha com uma vaga no Tribunal de Justiça, Ivan Naatz aposta alto, sabendo que um dos possíveis resultados dessa iniciativa é a inviabilidade política de seu sonho.

Vice de Dário

A pedido do deputado estadual Rodrigo Minotto (PDT), sua assessora, Jéssia Costa, se desincompatibilizou do serviço público para estar apta a disputar a eleição municipal. Formada em Direito, estudante de odontologia e dirigente partidária, ela é a principal indicação do PDT para a vaga de vice na chapa do ex-senador Dário Berger (PSDB).

Jéssia é vice-presidente municipal e secretária adjunta da executiva estadual da sigla. Além de ser o braço direito dos dois principais líderes do PDT em Santa Catarina, o próprio Minotto e o ex-ministro Manoel Dias.

Encontro tucano

O PSDB realizou durante o final de semana um evento com a presença das lideranças regionais, estaduais e nacionais do partido. Entre os que participaram, o presidente nacional Marconi Perillo e o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite. Além das palestras, os tucanos reconduziram o deputado estadual Marcos Vieira para mais um mandato no comando do partido.

O primeiro vice-presidente eleito é o ex-senador Dalírio Beber, o segundo vice-presidente, o deputado Vicente Caropreso, e a terceira vice-presidente, a deputada Geovânia de Sá. O secretário-geral do partido será Gilmar Knaesel, tendo Sandro Favero, como tesoureiro, e Dóia Guglielmi, o tesoureiro adjunto. Ainda fazem parte da Executiva o ex-senador e pré-candidato a prefeito de Florianópolis, Dário Berger, o ex-prefeito de Caçador, Saulo Sperotto, a vice-prefeita de Blumenau, Maria Regina Soar, a vereadora Ana Carolina de Itajaí, entre outros.

PT de Itajaí

O PT de Itajaí entrou em consenso e o nome do partido para disputar a Prefeitura é o do advogado João Paulo Gama. A partir de agora, ele passa a ser o único pré-candidato, já que Beto Pacheco, Plínio Silveira e Lucas Lima abriram mão pela união dos petistas.

Valdemar endossa

Durante o CPAC, quem esteve em Balneário Camboriú foi o presidente do PL Nacional, Valdemar da Costa Neto. Em horário diferente da visita do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), por decisão judicial, Valdemar teve um encontro com o prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira (PL), e o pré-candidato Peeter Grando (PL). Na rápida conversa, Valdemar reafirmou o compromisso com o nome de Peeter em Balneário Camboriú.

Marcelo Lula é jornalista e radialista. Atuou em emissoras de rádio e jornais no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. Atualmente, faz comentários na Condá FM de Chapecó e na Rede Guararema de Rádios.

O jornalista tem se destacado por furos de fatos de grande repercussão em Santa Catarina, além de matérias investigativas e revelações dos bastidores de importantes investigações e da política.

Relacionadas