Região Balneário / Itajaí

Morre no hospital a 2ª vítima de explosão em oficina de motos

Acidente aconteceu no começo de junho, em Itajaí

Autor
Morre no hospital a 2ª vítima de explosão em oficina de motos
Richard (no detalhe) tinha 30 anos)

Morreu no hospital na manhã desta quinta-feira (27) a segunda vítima de uma explosão ocorrida numa oficina de motos, em Itajaí. O acidente ocorreu na tarde de 3 de junho, num estabelecimento situado numa esquina da rua Indaial, no bairro São Judas Tadeu.

PUBLICIDADE

Richard Godoy, de 30 anos, era o proprietário da oficina. Ele trabalhava no local no momento da explosão, junto do adolescente Bernardo Alves, de 14 anos.

Richard estava internado no hospital desde o dia do acidente. Ainda na quarta-feira (26), sua esposa postou nas redes sociais a informação de que o marido seguia em estado grave, na UTI, numa unidade especializada em pacientes de queimaduras.

O garoto Bernardo permaneceu internado em estado grave, e acabou morrendo no hospital em Joinville no dia 14.  De acordo com o Corpo de Bombeiros, a perícia do incêndio deve ser finalizada no inicio da próxima semana.

Richard e Bernardo trabalhavam juntos na oficina de motos quando ocorreu uma explosão no tanque de combustíveis numa das motos. Pedestres que passavam pelo local foram os primeiros a prestar auxílio às vítimas, retirando os dois feridos de dentro do prédio.

No entanto, quando a ambulância dos bombeiros chegou ao local, ambos aguardavam por atendimento caídos na calçada. Bernardo sofreu queimaduras em cerca de 90% do corpo e seu estado era considerado gravíssimo.

Relacionadas