Região Santa Catarina

Polícia Civil intensifica ações de combate à corrupção em SC

O número de prisões aumentou em 163% em comparação ao ano de 2022

Polícia Civil intensifica ações de combate à corrupção em SC
Foto: Divulgação / Polícia Civil

O ano de 2023 foi um marco no combate à corrupção em Santa Catarina. A Polícia Civil intensificou ações em todo o estado a fim de combater a prática desse grave crime que tanto prejudica a sociedade.

PUBLICIDADE

No Dia Internacional contra a Corrupção, 09 de dezembro, a Coordenadoria Estadual de Combate à Corrupção (CECOR), da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC), divulgou o balanço das ações realizadas ao longo deste ano.

De acordo com o coordenador da CECOR, delegado Gustavo Muniz, foram realizadas 23 operações policiais, abrangendo 28 municípios catarinenses.

O número de prisões aumentou em 163% em comparação ao ano de 2022, com 21 prisões realizadas nos 11 primeiros meses do ano. Cinco agentes públicos foram afastados dos cargos.

Dados da CECOR/DEIC apontam ainda o cumprimento de 172 mandados de busca e apreensão, 115 pessoas indiciadas, sete veículos e dois imóveis sequestrados e 778 medidas cautelares cumpridas. Também foi apreendido mais de R$ 6,6 milhões em ativos. Para o delegado Muniz, foram diversas ações espalhadas por Santa Catarina:

SONORA

O delegado-geral, Ulisses Gabriel, destacou que a melhoria da produtividade de toda a Polícia Civil, e em especial, nas ações de combate à corrupção refletem os investimentos feito pelo Governo do Estado e a participação da sociedade:

SONORA

A PCSC recebe denúncias por meio do whatsapp, pelo número 181; pelo site https://pc.sc.gov.br/ ou em até mesmo conversas nas delegacias de polícia.

Relacionadas