Região Santa Catarina

Judoca conquista segunda medalha de SC no sul-americano escolar no Chile

Atleta de Chapecó venceu o torneio de Judô sub 15 até 58kg

Judoca conquista segunda medalha de SC no sul-americano escolar no Chile
Foto: divulgação

O judoca Guilherme Adriano Tomaz, de Chapecó, foi mais um catarinense a conquistar uma medalha de ouro na disputa dos Jogos Escolares Sulamericanos, competição que ocorre em Santiago, no Chile. Guilherme, aluno da escola estadual Zélia Scharf,  venceu o torneio da categoria sub 15 até 58kg e ficou com o primeiro lugar.

PUBLICIDADE

Guilherme se tornou judoca através do Projeto social Atleta do Futuro de Chapecó e desde então vem colecionando medalhas em diversas competições. Com apenas 14 anos, é atualmente o único campeão Brasileiro de Santa Catarina, além de campeão Brasileiro Escolar, campeão Estadual e, agora, campeão Sul-Americano.

“Estou muito feliz com o resultado. Chegar aqui já é uma grande conquista, mas essa medalha de ouro é fruto de muito treino, dedicação e sacrifícios. É uma honra representar meu país, meu estado, cidade e clube. Agradeço de coração, a todos que torceram por mim mesmo de longe e pelas mensagens de apoio. Obrigado por acreditarem em mim, com certeza eu não teria chegado até aqui sem todo o apoio que recebi”, ressaltou o atleta.

Os Jogos Escolares Sul-Americanos ocorrem no Chile entre os dias 4 e 9 de dezembro, reunindo mais de 20 mil adolescentes com faixa etária de 11 a 14 anos de onze países: Brasil, Argentina, Chile, Colômbia, Equador, Peru, Paraguai, Venezuela, Uruguai, Bonaire e Suriname. A primeira catarinense a conqustar ouro nesta edição foi Gabriela Ferreira, natural de Florianópolis mas radicada em Curitiba. Gabriela venceu a final dos 100 metros borboleta da natação, e quebrou o recorde brasileiro que já era sei desde setembro deste ano.

Delegação

O Brasil participa da competição com uma delegação formada por 222 pessoas, entre atletas, técnicos, médicos, jornalistas e comissão técnica. Os atletas competirão no Sul-Americano em 11 modalidades, sendo duas paradesportivas – atletismo adaptado e paranatação – e nove esportivas – atletismo, natação, judô, xadrez, tênis de mesa, basquetebol, handebol, futsal e voleibol.

Santa Catarina está no Chile com uma delegação de 51 participantes com atletas, paratletas, técnicos e dirigentes esportivos. Entre os catarinenses também está na disputa na capital chilena o atleta André Bessa de Melo, que compete nos 5 mil metros da Marcha Atlética. É a primeira convocação do garoto, para a seleção Brasileira.

Relacionadas