Região Balneário / Itajaí

Procon registra queda na cesta básica em Navegantes

Ítens de higiene e limpeza tiveram as maiores quedas

Autor
Procon registra queda na cesta básica em Navegantes
Foto: Divulgação / Prefeitura de Navegantes

O Procon de Navegantes divulgou nesta quarta-feira (19) uma pesquisa sobre o preço da cesta básica nos supermercados da cidade. O levantamento mostrou uma redução média de 10,3% em relação a maio.

PUBLICIDADE

O menor valor da cesta, entre os estabelecimentos consultados, foi de R$ 261,79. O maior valor foi de R$ 356,47, cobrindo itens dos setores de açougue, frios e laticínios, mercearia, hortifrúti, limpeza e higiene.

Os produtos que mais diminuíram de preço foram o desinfetante, o papel higiênico e a carne suína, com reduções de 71,31%, 55,22% e 46,71%, respectivamente. Por outro lado, o álcool líquido (46,3° INMP), o álcool em gel (70º INPM) e a batata lavada tiveram aumentos de 48,07%, 40,42% e 14,84%, respectivamente.

Embora o azeite de oliva não tenha sido um dos vilões da cesta, ele registrou uma alta variação de preços entre os estabelecimentos, com uma diferença de 141% entre o menor e o maior valor.

De acordo com o Procon, em cada setor analisado, considera apenas o preço, o conteúdo e a marca dos produtos mais baratos disponíveis no dia da coleta dos dados. Os avaliadores não levam em conta fatores como matéria-prima, modo de preparo ou procedência dos itens.

O Procon pesquisou três estabelecimentos do ramo alimentício da cidade. Também não considerados dias de vendas promocionais, visando refletir melhor os valores cobrados.

Comparação nacional

A pesquisa também revelou que o valor da cesta básica em Navegantes se manteve abaixo da média nacional, representando cerca de 46,43% a menos do que os preços no restante do país. A íntegra da pesquisa está disponível na página da prefeitura.

Se os moradores identificarem condutas ilícitas praticadas por estabelecimentos comerciais, podem fazer uma denúncia ao Procon pelo e-mail [email protected].

Reclamações podem ser registradas no site – consumidor.gov.br – ou pessoalmente na sede do Procon, na rua João Emílio, nº 100, Centro. Os telefones (47) 3342-9500 e (47) 99290-1398 (WhatsApp), bem como o e-mail [email protected], estão disponíveis para contato com o órgão.

Relacionadas