Região Brasil

Cairo, ex-Atlético e Avaí, pede ajuda para tratamento de câncer

Ex-jogador vive em Portugal e já passou por 15 sessões de radioterapia

Cairo, ex-Atlético e Avaí, pede ajuda para tratamento de câncer
Foto: Avaí F.C.

Revelado pelo Atlético e campeão da Copa Conmebol de 1997 pelo clube, o ex-meia Cairo enfrenta um grave problema de saúde neste momento. O ex-jogador trata um câncer no pulmão com metástases no cérebro, coluna e quadril. A família arrecada dinheiro na internet para custear o tratamento.

PUBLICIDADE

Vivendo em Portugal, país em que trabalhava como treinador e coordenador de categorias de base, o ex-jogador já passou por 15 sessões de radioterapia e ainda faz tratamento de imunoterapia. Segundo os familiares, ele está acamado e depende de cuidados.

A meta da vaquinha aberta na internet é arrecadar R$ 200 mil, que seriam utilizados para o pagamento do tratamento. Até a manhã desta quinta-feira (30), foram doados R$ 18 mil.

Ajuda do Atlético

O Instituto Galo também vai fazer uma ação para ajudar Cairo. Nesta quinta-feira (30), o grupo anunciou que vai vender 32 camisas comemorativas pelos 400 gols de Hulk por R$ R$990,00. O valor arrecadado será destinado ao ex-jogador.

As peças limitadas são do tamanho g, número 7 e têm um patch comemorativo pela marca alcançada pelo atacante. Os interessados devem entrar em contato com Eliziê pelo telefone 31 99435-0123.

Revelado pelo Atlético, Cairo defendeu o clube em duas passagens entre 1995 e 2000. Pelo Galo, ele disputou 115 jogos e marcou 19 gols. Com a camisa alvinegra, o meia conquistou a Copa Conmebol de 1997 e três estaduais (1995, 1999 e 2000).

Ao longo da carreira, Cairo também passou por clubes como Paraná, Ceará, Metropolitano e Avaí.

Relacionadas